Voltar

Golpe do seguro cresceu até 211% durante a pandemia

Uma pesquisa da Ituran Seguros indica que golpes onde a pessoa forja ter sido roubada ou furtada para conseguir o valor integral pago pelas seguradoras tiveram um salto durante a pandemia. As informações são do site do jornal O Globo.

A pesquisa revela um aumento de 211%, só no Rio de Janeiro, durante o primeiro semestre deste ano em relação ao mesmo período do ano passado. O estado foi o que apresentou o maior índice de casos, superando inclusive São Paulo, onde foi registrado crescimento de 95% nas suspeitas de fraudes. A cada 100 sinistros ocorridos, em pelo menos 11 houve indícios de fraude, de acordo com levantamento da Ituran, baseado em análises feitas em seus veículos 700 mil monitorados.

Em 27 de julho deste ano, um incêndio queimou, pelo menos, 30 mil metros quadrados da Reserva Biológica de Araras, em Petrópolis. Segundo a Polícia Civil, Heli Barroso Martins, de 65 anos, decidiu dar sumiço ao próprio carro ateando fogo nele para receber o prêmio da seguradora.

Também de acordo com o Globo, a repercussão no caso do homem que cometeu o desastre ambiental ao tentar aplicar o golpe surtiu, pelo menos, um efeito positivo. Os registros suspeitos de golpe no seguro praticamente acabaram em Itaipava.

O Globo